Ultimas Notícias

21 setembro 2015

COMUNIDADE RESPONDE RÁPIDO E FAMÍLIA DE SÃO PEDRO PARAÍSO GANHA ALÍVIO APÓS INCÊNDIO

Na quinta-feira (17/09) um incêndio destruiu a residência de Zeli Neves do Nascimento em São Pedro Paraíso e após o ocorrido ela e sua família se viu em uma situação extremamente difícil. A família humilde só conseguiu salvar uma mesa com algumas cadeiras e a roupa do corpo. "Eu estava na frente de casa quando vizinhos me avisaram que saía uma fumaça lá de dentro. Quando ví, o fogo já pegava tudo e não tive tempo pra nada", contou Zeli. A solução temporária então foi se abrigar na casa de familiares e tentar recomeçar. O que a ela talvez não soubesse é que uma rede de solidariedade se formava rapidamente em Italva e seu sofrimento seria amenizado.

REDE DE SOLIDARIEDADE
Após a notícia do incêndio ter sido publicada aqui no Italva em Foco, uma rede de solidariedade se alastrou pela internet. Nas redes sociais e pelo Whatsapp as pessoas pediam todo tipo de ajuda. Nossa página engrossou o caldo e publicou a campanha na última sexta, provocando uma resposta quase que imediata. 

No último sábado (19/09), 48 horas após o incêndio, nossa equipe de reportagem esteve em São Pedro Paraíso e encontrou a família instalada em uma nova residência cedida por Ricardo Nunes, presidente da Associação de Moradores do local.


Durante nossa visita para entregar doações que nos foram confiadas por leitores, conversamos com a Dona Zeli e pudemos notar que o povo de fato se sensibilizou com sua situação. Os pequenos cômodos da casa estavam repletos de doações. Roupas, alimentos entre outros não paravam de chegar. Inclusive uma cama e televisão eram entregues enquanto estávamos no local.


A família já ganhou, além de alimentos e roupas, móveis como cama, rack, televisão, geladeira, fogão, sofá entre outros. Diante de tanta solidariedade, a responsável por uma família de 4 pessoas só sabia agradecer: "Não tenho palavras para agradecer a ajuda que todos estão me dando. É um momento muito difícil para nossa família. Perdemos tudo, até mesmo nossas economias que já não eram muitas. Essas doações irão nos ajudar a recomeçar e somente Deus pode retribuir tão grande solidariedade", disse Zeli. Fotos: Gilmar Sana