Ultimas Notícias

12 agosto 2013

SUPOSTA OMISSÃO DE SOCORRO LEVA HOMEM À MORTE EM ITALVA

ANTES DE SER LEVADO PARA O PU, AS PESSOAS QUE ESTAVAM NO BAR COM ELE ROUBARAM TODOS PERTENCES, INCLUSIVE A CAMISA DO TIME

Um homem morreu na madrugada da última sexta-feira (9 de agosto), no Pronto Socorro em Italva. A suspeita é omissão de socorro.

Foto: Foto Gilmar
Segundo a família da vítima, Magno Soares Damasceno, de 35 anos, na hora em que deu entrada na unidade, não havia médicos de plantão. “Não é de hoje que a precariedade desse lugar, que eles têm a ousadia de chamar de Casa de Saúde, faz vítimas. Infelizmente, o meu tio tinha um problema sério, mas acho que a morte poderia ter sido evitada”, denunciou um sobrinho de Magno.

Além de não ter médico, familiares disseram ainda que é provável que o local não tenha veículos e motoristas disponíveis para o transporte de pacientes durante a madrugada. “Por que não o levaram para outra cidade, para outro lugar que tenha médicos?”, questionou uma irmã da vítima.

Foto: Facebook
Magno sofria diabetes e havia saído com amigos para assistir a um jogo de futebol na noite da última quinta (8/8). Ainda de acordo com a família, ele deu entrada por volta de uma hora da manhã no Pronto Socorro e não recebeu atendimento médico. “Os próprios funcionários disseram que na hora que ele entrou no hospital só havia enfermeiros e técnicos. Além disso, só fomos informados da presença dele no PU por volta das 7 horas da manhã, mesmo com vários parentes morando nos arredores. Só foram nos avisar quando ele morreu. Um absurdo”, desabafou. A equipe de reportagem do jornal Terceira Via, entrou em contato com a secretaria de saúde de Italva, mas os funcionários disseram que não poderiam informar nada sobre esse assunto. O secretário de saúde da cidade, Charby Tannus, não foi encontrado para comentar o caso.  Fonte: Jornal Terceira Via

EM TEMPO
A matéria acima foi extraída do Jornal On Line Terceira Via de Campos dos Goitacazes, mas modificamos partes em que o texto cita a Casa de Saúde Imaculada Conceição. O socorro aos italvenses é feito pelo Pronto Socorro Municipal, administrado pela prefeitura local e que funciona no prédio da Casa de Saúde, que está fechada desde 2012. Segundo informações, o paciente foi levado para a unidade do município.