Ultimas Notícias

03 abril 2014

REGIÃO: CARDOSO MOREIRA NÃO TERÁ MAIS AGÊNCIA DO BANCO ITAÚ

O município de Cardoso Moreira perderá, no próximo dia 11, sua agência do Banco Itaú. A partir daí, correntistas e aposentados terão que se deslocar até Italva para fazer suas movimentações bancárias. A decisão desagradou comerciantes locais, que buscam no Ministério Público Estadual reverter a situação. 

A superintendência de Comunicação Coorporativa do Itaú, enviou o seguinte posicionamento em resposta ao questionamento da Folha da Manhã: “O fechamento da agência foi uma decisão estratégica. Os clientes continuam contando com a conveniência para fazer as transações na internet, celular e telefone”. O prefeito Gegê Cantarino esteve reunido com a diretoria do banco, no Rio, mas não houve resposta satisfatória. A presidente da Associação Comercial de Cardoso Moreira, Jane Mara Diniz Fernandes Menezes solicitou ao MPE a intervenção para tentar impedir o fechamento da agência. No documento, a comerciante diz que a alegação do banco é que a agência não seria mais financeiramente compensadora. Segundo Jane, o fechamento trará prejuízos ao comércio local, já que os correntistas terão que ir até Italva — 15 km distante — para fazer suas movimentações.

— São quase mil correntistas e cerca de 307 aposentados aqui em Cardoso. Além do transtorno do deslocamento, gasto com passagem, ainda é natural que eles acabem fazendo suas compras no lugar onde já vão ao banco. Será um enorme prejuízo para o comércio — disse Jane, lamentando “mais essa perda” para o município: “Já perdemos fórum, bombeiros, agora agência bancária”. Membro do Lions Clube de Cardoso, José Santos Gomes, o Zé Gordo, fala que é correntista do banco há vários anos e concorda com a presidente da Associação Comercial: “Será muito difícil, principalmente para idosos, aposentados, que terão que se deslocar para Italva e nem toda hora tem ônibus, além de prejuízo para o comércio. Eles alegam que não está dando lucro, mas fizemos campanha para colocar caixa eletrônico 24 horas na agência e não houve resultado”, lamenta. Fonte: Folha da Manhã